Serviços
Benefícios
Agenda de Cursos
Balcão de Talentos
Meu Cadastro
Contribuições

Entenda os efeitos dos anabolizantes no corpo da mulher



Dietas milagrosas e músculos instantâneos não existem. Para tentar contornar a natureza e conseguir resultados imediatos sem muito esforço, algumas mulheres em busca do corpo perfeito adotam medidas drásticas. Aí é que entram os anabolizantes, hormônios sintéticos que podem trazer sérios riscos.

Para tirar dúvidas sobre os efeitos dos anabolizantes no corpo feminino, batemos um papo com a endocrinologista Dra. Rosália Padovani, que alerta para graves complicações na saúde física e psicológica da mulher. Leia a seguir.

Fortíssima: Por que tem crescido o número de mulheres usando anabolizantes?

Dra. Rosália Padovani: Eles estão mesmo sendo cada vez mais usados para fins não terapêuticos. Seu uso vem sendo aplicado tanto para a melhora do desempenho em atividades físicas como para fins estéticos. As mulheres da nossa sociedade atual buscam o “corpo perfeito” e entendem isto como algo que pode ser “comprado”.

Assim, se rendem a procedimentos estéticos e uso de hormônios que possam permitir que adquiram o corpo idealizado o mais rápido possível. É neste contexto que entram os anabolizantes. Por serem de fácil acesso e baixo custo, esses hormônios começaram a ganhar cada vez mais espaço.

Quais são os efeitos dos anabolizantes no corpo da mulher?

Os anabolizantes são substâncias que levam ao anabolismo (crescimento). Chamados cientificamente de esteroides anabólicos androgênicos, eles pertencem à classe dos hormônios sexuais masculinos; dentre eles, podemos destacar a testosterona e seus derivados que, além do efeito anabólico, são responsáveis pelas características sexuais masculinas.

Em altas doses, podem levar a alterações no corpo das mulheres, que passam, então, a adquirir características masculinas, tais como voz rouca, grossa, acne, aumento dos pelos, do clitóris e aumento da massa muscular. Outros efeitos dos anabolizantes podem ser a irregularidade menstrual e ciclos anovulatórios (quando a mulher deixa de ovular).

O efeito de “músculos definidos” é permanente com o uso do anabolizante?

Como os efeitos dos anabolizantes são passageiros, assim que a pessoa deixa de usá-los, o corpo volta à forma natural. Por isso, em praticamente quase todas as situações, manter os ganhos após a suspensão dos hormônios é algo improvável.

Anabolizantes podem ser receitados para tratamentos de doenças?

Sim! Eles podem ser usados com fins terapêuticos em vários casos, como desnutrição crônica, doenças consumptivas (que causam perda involuntária de peso), doenças crônicas debilitantes como HIV, alguns casos de andropausa, síndrome de Turner, grandes queimados, hipogonadismo, atraso puberal, hipopituitarismo e muitas outras.

Quais complicações os anabolizantes podem trazer à saúde?

Depende de como eles são usados. Seu uso indevido e indiscriminado para fins estéticos e em altas doses pode causar muitos efeitos colaterais, como convulsões, impotência sexual, infertilidade, aumento da pressão arterial, aumento do colesterol, trombose, infarto, lesões no fígado, diabetes, câncer, entre outros.

Anabolizantes naturais: entenda o que são e o que fazem

Anabolizantes afetam o psicológico?

Com certeza! O uso indiscriminado de anabolizantes pode causar muitas consequências para o psicológico, a começar pelo aumento da agressividade, o que leva a comportamentos violentos e explosivos até o desencadear de doenças psiquiátricas. Eles ainda podem causar quadros psicóticos, mania (excesso de euforia, podendo ser acompanhada ou não de delírios), depressão, ansiedade, pânico, transtornos alimentares, compulsão e, em casos mais graves, até o suicídio.

Anabolizantes causam dependência física?

Sim. Dependendo da forma e da frequência em que são usados, eles podem levar à dependência. Ela pode ser resultado da Dismorfia Muscular, isto é, uma das formas ou subtipos do transtorno dismórfico corporal, que se caracteriza pela distorção de imagem. Nestes casos o indivíduo considera-se pequeno e fraco – apesar de grande hipertrofia muscular – e se preocupa excessivamente com o corpo.

Além disso, os efeitos de bem-estar sentidos com o uso de anabolizantes, somado aos efeitos disfóricos de retirada, também contribuem para um quadro de dependência em alguns indivíduos. O uso indevido pode levar inclusive ao óbito.

Portanto, sempre consulte especialistas experientes para indicar métodos adequados para o ganho de massa muscular e definição do corpo. Adotar uma alimentação saudável aliada a atividades físicas frequentes sempre é a melhor escolha!

 

Fonte: Terra


Compartilhe


Comentários