Remédio combativo à hepatite C tem seu uso ampliado pela Anvisa



Harvoni e Epclusa, ambos da Gilead Sciences são autorizados para ampliação de uso no Brasil.

 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa, recentemente autorizou o ampliamento da utilização de dois medicamentos da farmacêutica Gilead Sciences, combativos à hepatite C, o Harvoni e a Epclusa.

Ambos medicamentos não eram recomendados para pessoas com insuficiência renal de estágios 4 e 5, os mais elevados níveis da doença, que caracterizam a necessidade de hemodiálise ao paciente. A não recomendação era porque ainda estavam em estudo tais grupos de pacientes.

O Dr. Eric Bassetti, diretor médico associada da Gilead Sciences no Brasil e gastroenterologista, destacou que a aprovação foi positiva aos pacientes com o níveis mais graves de insuficiência renal. “A partir de agora, as pessoas com as formas mais graves de insuficiência renal poderão ter acesso às terapias mencionadas, as quais proporcionam chances de cura de mais de 95% e um perfil de segurança adequado para o uso seguro das drogas nessa população de pacientes”, ele aponta.

A hepatite C atinge por volta de 70 milhões de pessoas no mundo, sendo que aproximadamente 700 mil portadoras se encontram no Brasil.

 

Fonte: Comunicação Sincofarma


Compartilhe


Comentários